Sobre 2016

Sobre 2016

Andei vendo que 2016 não foi um ano muito fácil para muita gente e comigo não foi diferente. 2016 trouxe muitos momentos difíceis para mim com notícias tristes e inesperadas. Tive muitos obstáculos para passar e lágrimas foram derramadas durante todo o processo. Muita gente acha que pelo fato de morar fora do Brasil sou muito sortuda e esquece que para estar aqui eu me esforcei bastante, renunciei muitas coisas e sofri também. O lado bom de tudo isso é que com os desafios da vida e quedas é que crescemos e amadurecemos cada vez mais.

Sempre fui e sou grata à Deus por tudo que tenho e sou e com isso lembro que a vida não é feita só de tristezas e que nós precisamos ter momentos felizes também, pra lembrar pelo o que lutar e porquê sonhar. Por isso digo que 2016 também foi um ano cheio de boas realizações. Tive o prazer de desfrutar uma viagem maravilhosa ao lado de amigos que amo e assim realizar um sonho antigo.

Hollywood – Califórnia

Cenário de F.R.I.E.N.D.S na Warner Bros

Graças à Deus todos que amo continuam ao meu lado. Tenho Yoshi e Diego aqui comigo, os quais me apoiam em tudo e são o combustível que me levanta e me dá forças pra lutar novamente. Sem falar do sonho que é vivido todos os dias quando acordo com saúde e lembro onde estou.

Joffre Lakes – Canadá

Enfim, quis escrever esse post para lembrar o quanto Deus nos ama e é bondoso conosco e tenho certeza que se cada um parar e pensar um pouco, verá que 2016 não foi 100% ruim.

Desejo que 2017 venha cheio de esperança e vitórias para todos nós, que seja melhor que 2016 mas também quero novos desafios, quero sabedoria, quero aprender a viver melhor dia após dia.

Beijos para todos e que Deus os abençoem.

Trazendo meu peludo pro Canadá Parte II

Trazendo meu peludo pro Canadá Parte II

Pessoal, como prometi, essa é a segunda parte do post explicando o passo a passo que segui para trazer o meu peludo para o Canadá. Se você ainda não viu a primeira parte, clique aqui, antes de continuar a ler.

Os próximos passos foram a organização dos documentos e a viagem.

3- Documentação

Deixei essa parte como terceiro item porque você só poderá fazê-la bem próximo da viagem.

Os documentos necessários são apenas três:

1- Atestado Sanitário para o Transito de Cães e Gatos – Emitido pelo veterinário do seu cão com validade de até 10 dias corridos.

2- Certificado de Vacinação Anti-Rábica – Uma declaração do veterinário, garantindo que seu cão recebeu essa vacina, indicando a data de validade e o lote da mesma. Só para garantir, eu fiz a versão em português e inglês.

3- Certificado Zoossanitário Internacional– Esse certificado é o principal para a entrada do seu animal por aqui. Nele contem todos os dados dos documentos acima traduzidos para o inglês, a fim de que o agente daqui, ao receber o seu cachorro, entenda que ele está vacinado e saudável para entrar no país.
Você pega esse documento no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento(MAPA) mais próximo, com validade de 10 dias corridos, o de Yoshi foi emitido dia 29-05-2015 e chegamos aqui dia 03-06-2015. Geralmente nos grandes aeroportos brasileiros tem uma sede do MAPA e para receber esse certificado zoossanitário é apenas necessário levar o Atestado Sanitário para o Transito de Cães e Gatos que o veterinário fez anteriormente. Não há necessidade de levar o cão junto.

Outro documento importante que é sempre bom ter em todas as ocasiões é a carteira de vacinação do seu dog.
Independente dos documentos necessários para viajar, atualizar todas as vacinas do seu peludo também é importante, não se limite apenas a anti-rábica, e fazer um check-up total nele sempre é bom, para garantir que ele realmente esteja saudável com todas as condições necessárias para viajar bem. Eu fiz exame de sangue no meu Preto e ele já estava com todas as vacinas em dia.

4- Preparar para viajar

Eu sei que é difícil durante a proximidade do grande dia tentar manter a calma e ficar tranquilo mas isso é bastante importante para que seu cachorro se sinta seguro no momento da viagem. Os cães absorvem todas as nossas energias, por isso é sempre bom transmitir serenidade para eles não estranharem tanto o ambiente de aeroporto, a viagem dentro do avião e a adaptação à nova casa e rotina.

No dia da viagem para São Paulo, nos tentamos deixá-lo bem calmo e como seria apenas uma viagem de 3 horas, optamos por não dar Dramin à ele, conversamos bastante com o veterinário dele sobre o assunto e ele indicou darmos apenas 5 gotas de Dramin, antes da grande viagem de São Paulo – Vancouver (aproximadamente 15 horas) só para deixá-lo mais relaxado, lembrando que não é indicado dopar o cão durante viagens.
Dentro do Kennel, além de sua caminha estavam dois brinquedinhos e uma camisa de Diego, para ele ir sentindo o cheiro dele.

Trazendo meu peludo pro Canadá Parte II

Apesar da angústia, esse vôo foi bem tranquilo, o Preto chegou à São Paulo bem, apenas apertado para fazer xixi. :D Assim que saímos de dentro do aeroporto, levamos ele para se aliviar numa área permitida e em seguida fomos para o hotel descansar para enfrentarmos a grande viagem do outro dia.

No dia seguinte, antes de embarcar, alimentamos o Preto duas horas antes do vôo, e antes de despachá-lo demos as 5 gotinhas de Dramin e foi ai que chorei, imaginando 10 horas de vôo longe do meu pequeno, assim que entrei no avião pedi para a comissária se certificar que havia um cão à bordo e ela prontamente já foi me dizendo que já sabia de Yoshi e que eu não me preocupasse que ele já estava dentro do avião e que lá a temperatura era igual à da cabine etc, etc, tentando me deixar mais tranquila.
Quando chegamos em Toronto, meu grau de ansiedade estava nas alturas, pois tinhamos que passar pela imigração e depois buscar Yoshi para apresentá-lo com os documentos ao agente daqui para liberá-lo para entrar no país.
Passando pela imigração, que demorou mais que o normal, fomos correndo para buscar Yoshi e as nossas bagagens, quando encontramos o peludo, eu fiquei tão aliviada e feliz por ter dado tudo certo, que vocês nem imaginam.
Depois, fomos correndo para apresentar Yoshi e seus documentos e foi super tranquilo por lá, pagamos uma taxa de CAD$ 33.90, para a inspeção de animal vivo (inspection fee for live animal) e Yoshi foi liberado, porém, por conta da demora na imigração perdemos o vôo para Vancouver. Mas eles resolveram rapidamente e emitiram novo ticket para o proximo vôo. O intervalo entre a chegada do nosso vôo em Toronto até o embarque para o de Vancouver foi de duas horas, moral da historia, se vão viajar com cães tenham ao menos 3 horas de diferença, imprevistos acontecem.
Antes de despachar Yoshi novamente, o alimentamos e o levamos para fazer pipi outra vez.:D
Depois o despachamos rumo ao nosso destino final.
Quando chegamos aqui, foi bem tranquilo, pegamos Yoshi na area das malas e deu tudo certo, graças à Deus!

O gasto total que tivemos para trazer o nosso peludo foi R$ 1.295, aproximadamente, já com a taxa cobrada aqui no Canadá.

Ele chegou bem, um pouco ansioso, mas se alimentou direitinho, fez as suas necessidades e estava feliz ao lado das pessoas que ele mais ama e que o amam de volta!:D
Foi estressante, angustiante mas faria tudo novamente, vale super a pena quando o vejo aproveitando toda essa novidade ao nosso lado e curtindo tudo, é muito satisfatório.

Muito bom dividir esses momentos junto do seu melhor amigo. :D

Espero que eu tenha ajudado muita gente com a minha experiência em trazer o meu peludo pra cá. Qualquer dúvida ou curiosidade, deixem nos comentários, que eu responderei.

Um grande abraço.

Trazendo meu peludo pro Canadá Parte I

Trazendo meu peludo pro Canadá Parte I

Hoje tentarei ajudar aos “pais” de peludos que pretendem vir para o Canadá e trazer os seus filhotes junto.
Não é novidade pra ninguém que Yoshi (meu catchorro lindo) é super importante para mim e meu marido, sendo assim, desde o início dos nossos planejamentos para vir pra cá a única certeza concreta que tínhamos era que ele também viria conosco, à qualquer custo. Graças à Deus, o Canadá é um país super tranquilo nesse quesito e no final deu tudo certo!

Para não ficar tão longo dividirei esse post em dois, nesse primeiro falarei sobre a escolha da empresa aérea e do Kennel e no segundo falarei sobre a documentação necessária e como foi a viagem.

trazerCaoCanada03

trazerCaoCanada04

Para começar, farei um modelo de passo a passo que eu segui, apresentando a minha experiência em cada etapa desse processo:

1- Escolher a empresa certa

A primeira coisa que você deve fazer, antes de comprar qualquer passagem, é pesquisar qual empresa aérea se encaixa no perfil do seu dog.
A política de transporte de animais varia de empresa para empresa e de animal para animal(peso, raça, tamanho). Se seu animal é braquicéfalos, aqueles com o focinho achatado, como o Pug,Buldog Francês, etc, dificilmente você conseguirá transportá-lo nas empresas convencionais, terá que contratar uma que seja especializada na condução de animais, apenas, como a Sysbrac , o que custará muito mais $$$$. Como o nosso é um mini-schnauzer, não tivemos esse problema. :)

Algumas empresas, como a Air Canada, aceitam cães de até 10kg(peso do cão + Kennel) viajando com o dono na cabine,respeitando as medidas do Kennel que tem que caber no espaço abaixo da poltrona da frente e o cão precisa ter espaço suficiente para para dar o giro de 360 graus dentro da bolsa. Apesar de Yoshi ter aproximados 9kg, ele é grande não teria condições de caber em um Kennel tão pequeno e , para o meu desespero, a melhor opção para ele foi o transporte como carga viva, no compartimento de malas! Gente, chorava muito quando imaginava o meu peludo viajando lá embaixo, longe da gente…meu coração ficava muito pequeno.:(

Nem todas as empresas aceitam o transporte de animais no compartimento de malas também, bem como algumas tem restrições de datas, etc… Então, depois de pesquisar horrores, decidi viajar pela TAM, João Pessoa- São Paulo e a pela Air Canada, São Paulo-Vancouver.
Apesar, de não ter indicações 100% positivas, dentre as opções que eu tinha de ir de Jampa para São Paulo, a TAM foi a menos ruim. Tive o maior cuidado ao embarcar de me certificar com o comissário de bordo que havia um cachorro no compartimento de malas, assim como, compramos um Kennel super seguro e confortável, padrão internacional, para evitar que Yoshi o quebrasse e fugisse.

Quando enfim escolhemos as empresas, fomos comprar as passagens e em seguida reservar o espaço de Yoshi no avião,para isto, tivemos que ligar para central de atendimento das empresas bem antes do prazo limite de cada. No caso de transporte no porão, a Tam pede que reserve até 48 horas antes do vôo e a Air Canada até 24 horas.
Então, assim que compramos as passagens da Air Canada,dois meses antes de viajar, ligamos logo em seguida para a agência dela no Brasil, para tentar garantir a reserva do nosso peludo, porém, após fazer o registro com as informações do cão a atendente disse que iria mandar a solicitação para o Canadá para eles autorizarem e a resposta poderia demorar até 48 horas antes do vôo. O que? Como assim? Foi ai que tivemos a ideia de ligar diretamente para a Air Canada daqui e solicitar com eles a reserva de Yoshi e a mesma foi feita na mesma hora. Perfect! :D

No caso da TAM, tentamos fazer o mesmo, mas eles só fazem reserva a partir de um mês de antecedência, então, deixei marcado na minha agenda o dia certinho de ligar pra lá e assim fiz. \o/\o/\o/ Reservas de Yoshi prontas!!!! \o/\o/\o/

Abaixo deixarei o link mostrando a política de transporte de animais das duas empresas que escolhemos:

TAM Transporte de animais

Air Canada Transporte de animais

2- Providenciar o Kennel

Um outro tópico bastante importante é escolher bem a “casinha” que seu cachorro vai viajar. Tem que ser um espaço seguro e confortável, para que ele não se estresse tanto durante a viagem.

TrazerCaoCanada01

Nos compramos esse modelo de Kennel em um Pet Shop de João Pessoa, chamado Hobby Bichos, ele custou R$ 950 e o tamanho certo vai variar de acordo com as medidas do seu cão, antes de comprar, levamos Yoshi para testar o espaço.
Após a compra do Kennel, vem a fase do treinamento, o ideal é comprá-lo ao menos dois meses antes da viagem, para dar tempo do cachorro se acostumar a entrar nele e ficar sem desespero, no começo sempre deixe a portinha aberta.
Inicialmente foi difícil, mas no fim Yoshi se acostumou bem, colocamos a sua caminha dentro e ele só dormia lá. Depois, duas semanas antes da viagem, começamos a fechar a portinha do Kennel com ele dentro e tenho certeza que esse treinamento influenciou positivamente para que tudo desse certo no grande dia.

Daqui para o final da semana, publicarei a parte II do post.
Aguardem!!!! :D :D :D

Canadá, here we are!

Canadá, here we are!

IMG_0104

Depois de pouco mais de quatro meses sem “dar as caras” por aqui, decidi voltar pro meu cantinho tão querido e dar notícias para todos.

Sim gente, eu estou viva!!! s:

Vou contar o motivo que me fez passar tanto tempo ausente e espero que todos compreendam e me perdoem…

Quem me conhece de perto sabe que cerca de dois anos eu vinha planejando essa viagem ao Canadá com o meu marido, pois sempre tivemos esse sonho de passar uma temporada nesse país tão lindo e multicultural, sempre tivemos essa vontade de nos aventurarmos, de encarar o novo e abraçar o desconhecido. Pois bem, foi um longo caminho até chegarmos aqui… Tivemos que nos planejar, pesquisar mais e mais sobre o país, juntar grana, estudar inglês, fazer sacrifícios, passar pelo estresse do visto, etc. Mas aqui estamos e eu nem consigo acreditar que tudo isso é verdade. Que conseguimos vencer tantos obstáculos e chegar nessa terra tão distante e querida.

IMG_1832 2

Nós estamos morando em Vancouver na província de British Columbia e pretendemos ficar por aqui pouco mais de um ano. Meu marido veio fazer uma especialização na área de TI com o visto de estudo e eu vim acompanhá-lo com um visto de trabalho. Somos residentes temporários e como não poderia ser diferente, trouxemos o nosso querido e amado peludo conosco! Yeah!!! #YoshiNoCanada DD DD

IMG_0200

IMG_0073

O motivo da minha ausência, foi nada mais que o período que eu precisei para me organizar por aqui. Achar um lugar para morar, ativar a internet, me acostumar ao fuso e ao meu novo cotidiano, adaptação de Yoshi, estudar mais inglês – eu pensava que já sabia o suficiente #SóQueNão cr , arranjar emprego e muito mais.

IMG_1920

O post de hoje é o primeiro de muitos que virão explicando melhor sobre essa minha nova vida e claro que vou dividir tudo isso aqui com vocês, por isso, se vocês tiverem alguma dúvida ou quiserem saber um pouco mais sobre o processo de visto, o dia a dia canadense, como foi trazer o nosso peludo junto, etc, deixem nos comentários que em breve providenciarei novos posts.

Um grande beijo…

See you!

Glambox de Maio

Glambox de Maio

Antes tarde que nunca, não é mesmo meninas?! s:

Nesse post de hoje, vou falar bem rapidinho sobre a minha Glambox de Maio e os produtinhos que vieram nela. Sem esquecer de agradecer a importantíssima participação que o meu peludo lindo teve na apresentação dessa caixinha. Ele ficou muito fofo pousando para as fotos, gente!!! #derretida

Foi muito legal gravar o vídeo dessa Glambox, pois eu esperei mais ou menos uma semana para poder abri-la e mostrar para vocês, de primeira mão, a minha reação quando eu recebo esse mimo todo mês. Eu estava ansiosa demais para ver os meus produtos, sério mesmo! Sem falar que no final do vídeo deixei uma mensagem bem legal pra vocês, com muito carinho. :D
Vamos ver o vídeo?!

Agora vamos às minhas considerações… :v

Eu achei bonita a caixinha com a foto da mãe com a filha na frente, caracterizando bem a data comemorativa. Mas o que me ganhou mesmo, foram as palavras positivas que se encontram nas laterais. Amei, achei uma gracinha!!!

glambox maio 02

Agora vamos aos produtos, começando pelos que gostei de ganhar. Porém, devo salientar que os produtos desse mês da Glambox vieram sem preço sugerido no folheto, por isso vou colocar o preço, em média, que eu encontrei na internet, ok? :c

1 – Dose intensiva de tratamento – Niely Golden – Foram três ampolas em tamanho full size. Meninas, pensem num produto que eu amei usar no meu cabelo. Ele ficou super macio e brilhoso. Valeu muito a pena! Valor no mercado R$ 15,00;

2 – Spray de brilho argan – Charming – Conforme mostrei no vídeo, fiquei impressionada com esse produto. Assim que o coloquei, senti uma maciez incrível e realmente tive a sensação de que ele deixou o meu cabelo mais brilhoso também. Ahh! O cheiro é uma delícia… e esse spray veio em full size. Valor no mercado R$ 28,15;

3 – BB cream – L’oréal – Eu adoro Bb creams e , mesmo sendo em amostra grátis, gostei de ganhar esse da l’oreal pois ouvi falar super bem dele e de sua cobertura seca, ótimo para pele oleosa. Eu estava querendo muito testá-lo e assim que isso acontecer, darei meu parecer por aqui. bb Preço no mercado R$ 27,00;

4 – Shake de morango zero açúcar – Línea – Gostei de receber algo alimentício para experimentar. E como estou fazendo regime, nessa “vibe” fitness, quero muito testar e conhecer diversos produtinhos light, para variar o meu “cardápio”. Preço no mercado R$ 18,80 (450g);

5 – Sérum concentrado Clarifiant – Roc – Gente, eu estou louca para testar esse sérum! Ele promete tirar aquelas manchas chatinhas da pele, tipo as de espinhas, e uniformizar o tom da mesma. Como essa marca é divina, estou apostando minhas fichas nele. Só não gostei de uma coisa, veio em amostra grátis!!Rsrsrsrs… Preço no mercado R$ 119,90 ( outra coisa que não gostei nada! :| ).

glambox maio 03

Now, vamos aos produtos que eu não achei tanta graça: ))

6 – Sabonete liquido – Phebo – Não gostei de receber sabonete de novo da Glambox. Pronto, disse!!! :O Tirando que o cheiro é idêntico ao do sabonete em barra, o qual não me agrada nada! Ele veio em full size. Preço no mercado R$ 10,85;

7 – Loção Hidratante – Cetaphil – Apesar de ser um super hidratante, não queria receber isso! Acho que tem tantos outros produtos mais interessantes para se colocar no lugar dele, tirando que sempre tem hidratantes nas caixinhas…ai cansa, né gente!?! Ele veio em amostra grátis. Preço no mercado R$ 125,90, caro né! oo .

Bom meninas, quero finalizar o post com essa foto que eu amei do meu Yoshi com as ampolas da Niely Golden…

glambox maio 04

Lindo demais, não é!?!

Espero que vocês tenham gostado.
Vamos dividir dicas? Deixem suas opiniões sobre os produtos e a caixinha nos comentários! :D
Um big beijo a até a próxima!